terça-feira, março 24

13.00h regresso a casa pelo caminho da escola e à minha frente vão três miúdas a mascar chiclet e gomas, 14/15 anos por aí...iniciei a minha manobra de passagem, elas tinham todo o tempo do mundo, eu não!! e eis que uma exclama entre duas mastigadelas na pastilha:

-" o 25 de Abril foi a pior coisa que podia ter acontecido"!
até tremi por dentro, mas o pior foi quando rematou:
-" acho eu..."
salvaram-se as outras que em espanto perguntaram se ela estava bem...
claramente as gomas e as chiclets deviam ter uma coisinha qualquer a mais

3 comentários:

John Doe disse...

O que vou dizer é um sacrilégio...

Talvez não lhe falte a razão. Basta ver o que disse, e olhando para a malta de hoje, que confunde liberdade com libertinagem...

Não vivi no outro tempo, mas de certeza que essa menina não faria nem metade das asneiras que faz hoje em dia...

immortal disse...

também não vou dizer-te que não tens razão, eles não fazem a mínima ideia do que foi o antes e o imediatamente depois, o que gerou o que hoje temos, muitas vezes em demasia, mas o que me "irritou" foi o tom de certeza que usou para rematar com um "acho eu"

John Doe disse...

Estudei, mas por gosto, essa altura da historia. Estudei porque o que foi feito foi brilhante, na forma e no querer. E tudo se estragou. Tirando o acabar da guerra, hoje pouco e mal se aproveita o que pessoas brilhantes conseguiram...